Resultado do desafio

Vamos ao resultado do desafio:

O trecho 1 pertence ao livro 1984 de George Orwell.

O trecho 2 pertence ao livro a menina que roubava livros de Markus Zusak.

O sorteio será amanhã (27/05)em frente a bilioteca da FESPSP às 9:00h. Lembrando que para concorrer é necessário ter acertado os dois livros e ser aluno de biblioteconomia da FESPSP.

Nova data para o fim do desafio

Como não queremos deixar ninguém de fora, e só conseguimos avisar algumas pessoas sobre o desafio hoje, decidimos aumentar o prazo para respostas.


Então o último dia para mandar respostas é 26/05.

E o dia do resultado: 27/05

Desafio

Como prometido aqui está o desafio para os alunos de Biblioteconomia da FESPSP, que constitui parte do nosso Projeto Ler é Prazer, para a disciplina de Ação Cultural. Então vamos as Instruções:

Como funciona?

Os participantes devem descobrir a quais obras pertencem os dois trechos abaixo. As respostas deverão ser postadas juntamente com o seu nome, semestre e período, nos comentários ou por email. O prêmio será sorteado entre os acertadores.

Quando começa e quando termina?
O desafio começa hoje 21/05/2010. O prazo para receber as respostas é até às 22:00 do dia 26/05/2010.

Qual o prêmio?
Uma obra literária.

Quando sai o resultado?
O resultado vai ser divulgado aqui no blog, no dia 27/05.

Trecho 1

"A CADA ESTÁGIO DA PRISÃO ELE SOUBERA, OU PARECERA SABER, em que ponto do edifício se encontrava.
Era possivel que houvesse ligeira diferença na pressão do ar. Ficavam no subsolo as celas onde os guardar o tinham espancado. O quarto onde O'Brien o interrogara era bem no alto, perto do telhado. O lugar onde estava ficava muitos metros abaixo do nivel do chão, tão profundo quanto era possivel ir".


Trecho 2

"A sala foi encolhendo sem parar, até que a poucos passinhos de distâcias. Correu o dorso da mão pela primeira prateleira, ouvindo arrastar de suas unhas delizar pela espinha dorsal de cada livro.
Soava como um estrumento, ou como as notas de pés em correria. Ela usou as duas mãos. Passou-as correndo. Uma estante escostada em outra. E riu. Sua voz se espalhava, aguçada na garganta, e quando ela enfim parou e ficou postada no meio do cómodo, passou vários minutos olhando das estantes para os dedos, e denovo para as prateleiras.
Em quantos livros tinha tocado ?"
 
Boa sorte a todos!

Mário de Andrade

Reprodução fotográfica de pintura de Portinari retratando Mário de Andrade, 1935. Rio de Janeiro (RJ). (CPDOC/GC foto 446)


Mario Raul de Morais Andrade (9/10/1893 a 25/02/1945)


Este post é a contribuição do blog http://memoriaeinformacao.blogspot.com/
Vocês também podem encontrá-lo na linha do tempo do mesmo blog.


Mario de Andrade estreou na literatura em 1917 com o livro “Há uma Gota de Sangue em cada Poema” com o pseudônimo de Mario Sobral e no mesmo ano, formou-se em piano pelo Conservatório Dramático e Musical de São Paulo.
Em 1922 publicou Paulicéia Desvairada, um dos principais livros do Modernismo, e nesse mesmo ano, participou da abertura da Semana de Arte Moderna que realizou-se no período de 13 a 18 de fevereiro;
De 1923 a 1931, ganha a vida como fotógrafo;
Entre 1928 a 1929, viajou pelo interior do Brasil e dedicou-se às pesquisas folclóricas, principalmente musicais;
Em 1933 participa da criação da Escola Livre de Sociologia e Política – ELSP;
Em 1935, fundou o Departamento Municipal de Cultura de São Paulo no governo de Fábio Prado, onde foi diretor, assessorado por Paulo Duarte, Rubens Borba de Moraes e Sergio Milliet;
Em 1937, criou a Sociedade de Etnografia e Folclore de São Paulo, os primeiros parques infantis e a discoteca pública de São Paulo. Organizou o Congresso de Língua Nacional Cantada que fixou a pronúncia usada no teatro dramático e no canto do Brasil;


Essa dica é das boas!

Olá, pessoas!!! Segue mais uma boa dica direto do nosso blog "Lér é Saber"!


Livro de George Orwell "A revolução dos bichos". Não consigo esquecer a primeira vez que li esse livro, fiquei pensando nele por muito tempo... para que não conhece a história, George Orwell narra uma história sensacional sobre uma fazenda onde os bichos re rebelaram e acabaram expulsando seus donos de lá e passaram, eles mesmos a gerir a fazenda, que foi chamada de "Solar dos bichos". Mas, claro, como todo grupo necessita de um lider que o represente perante a sociedade... eis que os porcos tomaram sobre "seus ombros" a difícil tarefa de liderar os outros bichos e lhes dizer o que deveria ser feito, como o trabalho deveria ser realizado, etc., etc. e tals...
Bom, essa hisória me faz pensar muito no que se passa no Brasil, onde nós trabalhamos muito para sustentar poucos. Esse livro "A revolução dos bichos" é clássico do socialismo libertário que revela a ganância de poder como problema humano quando não há mais hierarquias...! Será???
Mas essa é a minha opinião, certo? Tire sua próprias conclusões quando ler - você mesmo - o livro! Vale a pena ler!!!

Clarice Lispector... Quais seus livros de cabeceira?


O texto abaixo, é sobre uma pesquisa feita por um estudioso de Clarice Lispector, sobre quais foram as obras que influenciaram a autora. No endereço abaixo, temos o livro na íntegra:

http://books.google.com.br/booksid=FDlksKx2U54C&printsec=frontcover&source=gbs_v2_summary_r&cad=0#v=onepage&q&f=false

Acho que alguém gostar desse livro, muito legal!


Título: Leitora Clarice Lispector

Autor:Ricardo Iannace

Editora: Edusp

Sobre o livro:

Quais os livros que influenciaram Clarice Lispector na composição de sua obra? O que terá lido a escritora, que se dizia 'má leitora', e suas personagens? Este estudo revela que ela apreciava, entre outros, Katherine Mansfield, Oscar Wilde, Eça de Queirós, Fernando Pessoa e Dostoiévski. Ricardo Iannace vai além da simples pesquisa de fontes, estabelecendo combinações entre autores e obras, personagens e críticos que esboçam uma preciosa poética da leitura, na qual o roteiro das leituras de Clarice ligadas aos temas da morte, da solidão e da angústia, desemboca na análise comparativa entre sua obra e as de seus pares.

Boa leitura, galera!!!!

Essa tal metamorfose... O que sou agora?

Olá!
Imagine em uma manhã, como todas as outras, você acorda e sente que algo em você mudou enquanto você dormia... Você se sente estranho, como se de repente, você não fosse mais você... Você tenta se virar na cama, mas não consegue! Sente que seus braços e pernas não lhe obedecem como antes e, a impressão que você tem é que seu corpo parece maior... Você tenta gritar! Parece que está num pesadelo. Mas, não! você está acordado e muito bem acordado!
Você fica desesperado porque tem que levantar-se, mas não consegue... Precisa ir trabalhar, mas, por Deus! Você não consegue levantar, por mais força que faça...! Você está de barriga para cima e, como um besouro, não consegue mudar de posição... Um besouro... Claro! Um besouro! É assim que você se sente... como um enorme besouro...!
Pois bem, a medida em que o tempo passa, você vai se dando conta de que algo em seu corpo mudou enquanto você dormia. Você toma consciência de que não é um pesadelo e que a verdar é pura, crua e dolorosa: Você se metamorfoseou como num passe de mágica. Você agora não passa de um inseto nojento, como uma barata ou coisa do gênero. Mas seus sentimentos estão intáctos.
E agora? O que será de você? Como sua família irá agir em relação a você e a essa nova realidade? Continuarão te amando como antes? Quem irá trabalhar agora para garantir o sustento da família? Como seus familiares irão se virar sem sua força de trabalho?

Quer saber mais sobre essa história? Então segue a dica:
"A metamorfose" de Franz Kafka!!!

O jovem e o livro - Boa dica!!!

Vejam esse vídeo, pessoas!!! eu achei mara!

Frase do Dia


A frase do dia foi retirada de um site de frases e pensamentos famosos. Embora seja uma frase atribuida a Caio Graco, também foi atribuida a Mário Quintana. Fica aqui o desafio para quem quer descobrir de quem é a frase abaixo, de Caio Graco ou de Mário Quintana?
http://www.frazz.com.br/frase.html/Caio_Graco-Livros_nao_mudam_o_m-76720

"Livros não mudam o mundo, quem muda o mundo são as pessoas. Os livros mudam as pessoas".


Caio Graco

O beijo da mulher aranha





 
Título: O beijo da mulher aranha
Autor: Manuel Puig

Opinião de quem leu:

É um dos melhores livros que já li ( e reli algumas vezes), ele conta com diálogos bem construídos (na verdade a maior parte do livro é composto por diálogos) e personagens cativantes. E é muito interessante como através das narrativas que Molina conta, ele e Valentin conseguem construir uma amizade, mesmo sendo pessoas muito diferentes, além disso, essas histórias ( que na verdade são filmes relembrados por Molina) ajudam a aliviar a dura realidade que os dois estão passando.

Onde encontrar:

Na Saraiva por 37,00

ou na Estante Virtual entre 3,00 e 30,00


Mais uma dica de leitura!!!

Olá, pessoas do meu Brasil!!!
segue mais uma dica de leitura para aqueles viciadinhos em um mundinho da fantasia, sem sair de casa e sem precisar se drogar para viajar na companhia de cavaleiros de dragões, elfos, anões, urgals, etc. e tals...
Aqui vai a dica:

Trilogia da Herança de Christopher Paolini


Com o primeiro livro: Eragon
Lançado com estrondoso sucesso nos Estados Unidos e Canadá, onde foram comercializados 2,5 milhões de exemplares, o romance de estréia de Christopher Paolini já foi vendido para 38 países e licenciado para o cinema. Eragon é uma história repleta de ação, perigosos vilões e locais fantásticos. Com dragões e elfos, cavaleiros, lutas de espadas, inesperadas revelações e, claro, uma linda donzela que é muito bem capaz de cuidar de si própria. O protagonista, de quinze anos, é um pacato rapaz do campo, que ao encontrar na floresta uma pedra azul polida, se vê da noite para o dia no meio de uma disputa pelo poder do Império, na qual ele é peça principal.

Segundo livro: Eldest
Acompanha o amadurecimento do jovem guerreiro protagonista da história e mostra também o crescimento de Christopher Paolini como escritor. A narrativa começa três dias após a cruel batalha travada por Eragon para libertar o Império das forças do mal. Agora, o Cavaleiro de Dragões se vê envolvido em novas e emocionantes aventuras. Em busca de um tal Togira Ikonoka ? “O Imperfeito que é Perfeito” ?, que supostamente possui as respostas para todas as suas perguntas, Eragon parte, junto com Saphira, o dragão azul que o acompanha desde o início da aventura, para Ellesméra, a terra onde vivem os elfos. Lá, eles pretendem aprender os segredos da magia, da esgrima e aperfeiçoar o seu domínio da língua antiga.

Livros para download



Eu geralmente prefiro livros no formato tradicional (eu preciso do contato com papel). Mas às vezes é bom contar com a comodidade e agilidade da net para conseguir um livro.

Estes são dois sites para fazer download , e um livro de cada que eu escolheria:

Domínio público: Disponibiliza além de livros, músicas, imagens e vídeos. Há obras de Fernando Pessoa, Machado de Assis, Shakespeare entre outras. Gostei do Layout porque é simples e agradável. Também gostei da página de estatísticas, principalmente da opção de ver as obras mais acessadas.

Livro que recomendo: A divina Comédia de Dante Alighieri

Project Gutemberg: Oferece livros em várias línguas, inclusive alguns (poucos) em português. Há a opção de baixar os catálogos de livros, mas é muito mais prático usar a ferramenta de busca do site. Infelizmente o site só está disponível em inglês.

Livro que recomendo: Dracula de Bram Stocker (Na sua versão original em inglês)

Cornelia Funke, a autora da Trilogia Mundo de Tinta

Cornelia Funke e seu livro "Coração de tinta" na versão original

O texto a seguir, foi retirado do site da wikipédia. É uma breve biografia da autora e encontra-se no seguinte endereço:

http://pt.wikipedia.org/wiki/Cornelia_Funke


 
Cornelia Funke nasceu em 1958 na cidade alemã de Dorsten, filha de Harlz-Heinz and Helmi Funke.


Sua fama internacional surgiu com a novela de fantasia 'O Cavaleiro do Dragão', que ficou na lista dos mais vendidos do New York Times por 78 semanas, que continuou com O Senhor dos Ladrões (2000, traduzido para o português em 2004), que imediatamente subiu para a 2 posição da lista dos mais vendidos do New York Times, ficando lá por 19 semanas e vendeu 1,5 milhões de cópias.

A novela que deu seguimento à sua fama foi Coração de Tinta que venceu o prêmio BookSense Book of the Year Children's Literature de 2004. Coração de Tinta é a primeira parte de uma trilogia que tem como continuação Sangue de Tinta, que venceu o segundo prêmio de Funke 'BookSense Book of the Year Children's Literature, no ano de 2006. A trilogia é finalmente concluida com Morte de Tinta (publicado na Alemanha em 2007), ainda não publicado no Brasil e em Portugal.

O filme Coração de Tinta – O Livro Mágico (Inkheart), baseado no livro homônimo, foi lançado em 2008, e dirigido por Iain Softley. Brendan Fraser estrelou o filme. Deixa muito a desejar em relação ao livro, mas é muito bom para ter as lembranças do livro por perto por mais tempo.

Dica de leitura


Para quem é amante da fantasia e de toda a magia que pode emanar de um bom livro, segue uma dica de leitura: Trilogia Mundo de Tinta, da escritora Cornelia Funke, uma incrível história onde os personagens de um livro de misturam com pessoas do mundo real e viceversa.

O primeiro livro, "Coração de tinta", é emocionante! É o livro onde Mo, personagem principal, dá vida aos vilãos do livro em que está lendo para sua esposa e sua filhinha, ao mesmo tempo em que envia sua esposa para dentro do livro. Desde então, Mo não faz mais leituras em voz alta, pois descobriu que as palavras têm poder. Ele passa 10 anos fugindo dos vilões do livro e tentando trazer sua esposa Teresa de volta. Ao longo da história, Mo, Maggie (filha de Mo e Teresa) e Elinor (tia de Teresa) vivem uma aventura atrás da outra!
Mo é um amante dos livros e um excelente restaurador, cohecido como o melhor "médico" dos livros.
Teresa é uma mulher apaixonada por leitura.
Meggie cresce com livros à sua volta e, tal como o pai e a mãe, é apaixonada por livros.
Elinor é uma bibliófila viciada em livros e, é uma mulher muito rica que gasta toda a sua herança com livros, obras raras e restauros, a vida da tia Elinor gira entorno dos livros e das história que lê, mas ela nunca imaginou que um dia iria ter personagens de um livro raro dentro de sua casa, nem que poderiam ser tão mágicos e ao mesmo tempo, frios, cruéis e medonhos... nem tão encantadores...

Trilogia Millennium


Aqui uma dica de leitura. Uma das surpresas mais agradáveis que tive ano passado. Dosando investigação policial, serial killer, hackers, injustiça e muito mais, a trilogia Millennium merece ser lida e relida do começo ao fim! E mais: segue resenha do excelente blog "Romances Policiais" do qual sou frequentadora assídua quando quero saber das novidades policiais. Boa leitura!



Recentemente a Companhia das Letras decidiu relançar a trilogia Millennium, do Stieg Larsson, em uma nova edição econômica. Os livros podem ser encontrados separados ou também na versão kit, onde vem os 3 títulos juntos. Outra novidade são as capas dessa nova edição, que lembram as que foram vinculadas em Portugal. Se você quiser saber sobre cada um dos livros é só clicar nos nomes abaixo que você será levado a uma página específica referente ao título escolhido.
Para quem não sabe, os títulos da trilogia são:
- Os Homens que Não Amavam as Mulheres
- A Menina que Brincava com Fogo
- A Rainha do Castelo de Ar

Segue abaixo a sinopse associada ao kit:

"Vem da Suécia um dos maiores êxitos no gênero de mistério dos últimos anos: a trilogia Millennium - da qual este romance, "Os Homens que não Amavam as Mulheres", é o primeiro volume. Seu autor, Stieg Larsson, jornalista e ativista político muito respeitado na Suécia, morreu subitamente em 2004, aos cinqüenta anos, vítima de enfarte, e não pôde desfrutar do sucesso estrondoso de sua obra. Seus livros não só alcançaram o topo das vendas nos países em que foram lançados (além da própria Suécia -onde uma em cada quatro pessoas leu pelo menos um exemplar da série -, a Alemanha, a Noruega, a Itália, a Dinamarca, a França, a Espanha e a Inglaterra), como receberam críticas entusiasmadas. Um dos segredos de tanto sucesso é a forma original com que Larsson engendra a trama, conduzindo-a por variados aspectos da vida contemporânea: do universo muitas vezes corrupto do mercado financeiro à invasão de privacidade, da violência sexual contra as mulheres aos movimentos neofascistas e ao abuso de poder de uma maneira geral. Outro é a criação de personagens extremamente bem construídos e originais, como a jovem e genial hacker Lisbeth Salander, magérrima, com o corpo repleto de piercings e tatuagens e comportamento que beira a delinqüência. O terceiro é a maestria em conduzir a narrativa, repleta de suspense da primeira à última página."

http://www.romancespoliciais.com.br/2010/04/colecao-trilogia-millennium-stieg.html

8 MOTIVOS PARA APOSTAR NOS LIVROS

1º AUMENTA A BAGAGEM
Quando o assunto é conhecimento, a menos não é mais. Quem sabe sabe;
2º FAZ A GENTE VIAJAR
Ler solta a imaginação e estimula a criatividade. Gente criativa tem boas idéias e...
3º TURBINA A CACHOLA
... quem tem boas ideias cresce, aparece e vai longe na vida;
4º AUMENTA O VOCABULÁRIO
Conhece novas palavras abre a cabeça;
Em cabeça aberta cabe o mundo e muito mais;
5º PROVOCA
Livros fazem vibrar, torcer, gargalhar, emocionar e até chorar - mas disfarça!
6º SACODE SUA VIDA
Ler sempre tira a gente da mesmice;
Quem fica parado é poste, Zé Mané;
7º DEIXA VOCE MAIS LIGADO
Livros ajudam a entender o mundo
e deixam você mais esperto;
8º FACILITA A ESCRITA
Leia bastante, que escrever será moleza
- desde recações até sms's de paquera.

Ler devia ser proibido



Gostei muito deste filme, quando foi passado pelas colegas no Seminário, da Professora Tânia, percebi o quanto é importante à leitura na vida do ser humano e logo associei com o nosso tema ele flui na comunicação e faz nos compreender os contextos sociais, políticos e econômicos.

A importância do livro para o cidadão

Assim como no passado, hoje os livros possuem sua grande importância no nosso meio acadêmico. São os que têm sido há séculos portadores do conhecimento de uma geração para outra e dificilmente poderão ser ultrapassados por qualquer outro meio de transmissão das descobertas intelectuais. Para os nossos jovens leitores, os bons livros correspondem às suas necessidades internas, auxiliando na formulação de perguntas e respostas, ou seja, um auxílio na tarefa de atingir nossa meta educacional de desenvolvimento da personalidade dos jovens e de ajudá-los a estabelecer um conceito global do mundo.
Um exemplo disso seria conseguirmos fazer com que uma criança tenha sistematicamente uma experiência positiva com a linguagem, antes mesmo que as histórias em quadrinhos, revistas ilustradas e as imagens veiculadas por meios de comunicação de massa tomem conta dela.
O hábito de ler deve ser estimulado na infância, para que o indíviduo aprenda desde pequeno que ler é algo importante e prazeroso, assim com certeza ele será um adulto culto, dinâmico e perspicaz.


A leitura propicia a obtenção de informações, em relação a qualquer contexto e área do conhecimento, assim como, pode constituir-se uma fonte de entretenimento. Fazendo-se presente em nossas vidas desde o momento em que começamos a compreender o mundo á nossa volta.

Referências Bibliográficas:

BAMBERGER, Richard. Como incentivar o hábito de leitura. 5.ed. São Paulo: Ática, 1995.
ZILBERMAN, Regina (Org.). Leitura: perspectivas interdisciplinares. 3.ed. São Paulo: Ática, 1995.

Ler é um vôo



Fernão, é uma gaivota que vive em volta das ribanceiras dos rios com seu bando, e a maioria das gaivotas não se preocupam em aprender mais do que o simples fato de voar, se importam mais em comer do que voar, mas Fernão se importa em voar do que comer, e por causa disso se cria uma antipatia entre ele e as outras gaivotas.Sua maneira de pensar, não agrada os outros passaros e até seus país se desanimam ao vê-lo passar o dia inteiro treinando vôos rasantes sozinho.Eles queriam que Fernão, fosse como o resto do bando, assim foi banido do grupo das gaivotas, mas logo achou outro grupo que lhe aceitava e com idéias mais avançadas e o incentivou a continuar com seus sonhos de vôos...

"Ao verdadeiro
Fernão Capelo Gaivota
que vive em todos nós"

Titulo: Fernão Capelo Gaivota

Autor: RICHARD BACH

Leio desde que aprendi a ler

                                                          
Sou muito suspeita para falar quando se trata de livros e leitura...

Aprendia a ler quando tinha oito anos, e aos dez anos já adorava ler!

Lembro-me de que comecei lendo gibis, depois passei para a Série Vagalume... A leitura era e é tão constante, em minha vida! Minha relação com ela tão intensa, que não consigo me imaginar sem um bom livro para passar meus melhores momento de lazer.
Quando comecei a ler, percebi que eu poderia mergulhar tão fundo numa história, poderia estar tão perto de um personagem, que muitas vezes não escutava e não percebia que havia um mundo fora do livro, não escutava nem quando me chamavam... e qual foi consequência disso? Bom, fui proibida de ler! E doce foi a ilusão daquela que achou que conseguiu me fazerf parar de ler! Pois eu sempre conseguia contrabandear algum gibi ou coisa do gênero que escondia debaixo do colchão de minha cama - como faziam meus antepassados com seu bem mais precioso: o dinheiro! Pois foi debaixo do colchão, o melhor esconderígio para meus bens preciosos - os LIVROS! E, por mais que minha "proibidora" pensasse que tinha vencido minha cede de ler, o que ela conseguiu foi uma única coisa: aumentar o meu desejo e minha curiosidade a respeito dos livros!

Depoimento de uma adolescente de 14 anos sobre leitura

Esse texto é o resultado de uma entrevista com uma adolescente a respeito de leitura e quais são seus livros preferidos, qual seu estilo literário preferido, o que ela sente quando está lendo, etc. Foi solicitado que a mesma escrevesse um depoimento sobre leitura, o qual foi feito e, segue abaixo o texto escrito por ela
Entrevistada por: Lescia Jatobá

Dandara G. J.

Em tardes de ócio não há nada melhor do que ler.
São tantas as opções de livros, mas, eu gosto muito de ficção, onde é misturado o melhor do mundo real com o mundo imaginário.
Começo á ler, e logo me vejo em Forks e suas florestas umidas, ou em Hogwarts jogando quadribol, fazendo porções e feitiços, ou até em uma cidade nos tempos medievais voando em dragões e lutando contra Urgals e outros ''monstros do mal''.